2 de fevereiro de 2018

7 dicas para melhorar a qualidade dos seus buds de Cannabis

Introdução/Índice

  1. Comece cultivando com uma genética de qualidade e obtenha os efeitos e a aparência que você deseja!Sua habilidade de grower faz uma grande diferença, mas uma planta não consegue mudar sua genética! Se você quer buds potentes, densos, brilhantes ou roxos/rosa, você precisa da genética certa.
  2. Seja no cultivo indoor ou outdoor você precisa dar a iluminação adequada para sua planta! – isso aumenta rendimentos, densidade e potência.
  3. Nutrientes e Suplementos – Saiba sobre os melhoradores de cheiro e boosters de flores.
  4. Melhor sabor, melhor cheiro – aprenda outras técnicas para aumentar o conteúdo de terpeno, assim os buds ficam com melhor cheiro e sabor.
  5. Manipular a temperatura e a umidade no estágio de floração para aumentar a produção de resina, traga cores como rosa ou roxo e evite que os cheiros causem problema.
  6. Ótimo fluxo de ar em torno de cada Flor – você pode ganhar aumentos surpreendentes no tamanho e densidade de seus buds, certificando-se de que cada flor recebe muita luz direta e bom fluxo de ar desde o início até o final do estágio de floração. A cannabis é polinizada por vento na natureza e, portanto, mais energia é colocada em buds que foram expostos a uma brisa desde que começaram a se formar.
  7. Saber bem o básico sobre cultivo – especialmente colheita, cortando e secando/curando! Embora muitos produtores não prestem muita atenção ao que acontece com as plantas depois da safra, como durante o próprio crescimento, esses 3 fatores pós-colheita determinam quase 50% da aparência final das flores. A correta secagem/cura também intensifica o cheiro e aumenta a potência dos buds!

*Bônus: CO2 vale a pena?

co2
Uso de co2 no cultivo de cannabis indoor

 

Você já fumou uma erva que deixou você completamente chapado? Aquele tipo de flor de cannabis com as quais as pessoas se gabam, e seus amigos te pedem para ter cuidado e não fumar demais? Estou falando sobre flores realmente boas!

A verdade é que você pode montar um grow de cannabis com sucesso e muito pouco esforço, fazer uma tonelada de erros e ainda assim fazer colheitas que compensarão o trabalho.

Mas você já se perguntou sobre como os growers experientes estão fazendo os melhores buds? O tipo de flor que bate de frente com a maconha vendida na Califórnia?

Se assim for, você está com sorte, porque hoje eu vou te ensinar 7 dicas para cultivar consistentemente flores de qualidade superior, e com efeitos que ficarão na sua memória nos próximos anos. Além disso, vou ensinar como fazer a sua flor de maconha parecer bonita!

1.) Comece com as melhores genéticas

É muito difícil obter flores bonitas se você começar com sementes de nível médio, clones ou sementes retiradas de flores; você está indo para o caminho da decepção porque nenhuma técnica avançada pode superar a própria genética da planta!

Estas flores foram ambas cultivadas na mesma configuração ao mesmo tempo, mas têm diferentes genéticas. Olhe como os buds ficaram diferentes! Escolhendo a genética certa, você pode escolher também a aparência e os efeitos que deseja!

genéticas diferentes
Exemplo de diferença entre genéticas diferentes cultivadas no mesmo ambiente

 

Quando iniciei minha vida como grower, eu cultivava qualquer semente que eu pudesse encontrar. Estas costumavam a se desenvolver muito bem, mas as flores resultantes nunca eram melhores do que os skunks que eu comprava em minha cidade.

Depois de algumas tentativas de cultivar sementes retiradas de flores, tentei comprar clones de maconha de uma loja local (dispensário) com nomes de linhagens loucas como “Super Grand Daddy Purple” e “Grapefruit Bubblegum Kush“, mas meus rendimentos e resultados ainda deixaram muito a desejar. Não é que haja algum problema inerente com os clones – os clones são incríveis! – Mas tive a sensação de que estas plantas não eram realmente tudo aquilo que eles diziam.

Eu não tinha nenhum amigo grower na época e pensei que as sementes retiradas das flores que eu comprava e os clones eram minhas melhores escolhas. Até eu descobrir bancos de sementes on-line.

Desde que comecei a comprar sementes de um banco de sementes de cannabis respeitável e obtendo minhas genéticas escolhidas enviadas para mim, consegui produzir flores de cannabis de alta qualidade!

Obter a sua genética de um grower ou banco respeitável é a chave para a produção de buds maravilhosos e potentes!

Strain Purple Kush
Strain Purple Kush

 

Se você deseja cultivar flores rosa ou roxo, você deve escolher a genética certa!

Apenas mudar para um melhor banco de sementes causou um aumento dramático em meus rendimentos sem qualquer outra mudança. Mas, ainda mais importante, a qualidade das minhas colheitas melhorou drasticamente. Sem mencionar a liberdade de poder escolher qual strain você quer cultivar em vez de esperar encontrar uma boa semente em minhas próprias flores!

Os clones ainda são uma ótima maneira de começar a cultivar uma boa genética, mas você precisa garantir que você irá encontrar clones de uma fonte confiável!

Se quiser levar seu cultivo para o próximo nível, não comece com qualquer clone ou semente. Procure uma genética de extrema qualidade e não tenha medo de pesquisar para garantir que você esteja recebendo exatamente o que deseja! As boas sementes custam mais do que as flores, mas o dinheiro que você paga pela qualidade vale a pena, especialmente quando você considera o que você está recebendo em troca!

2. Dê a Iluminação adequada para suas flores!

Se você quer buds grandes, você deve fornecer muita luz!

Quando você monta um grow, utilizando uma boa genética – de boas sementes ou clones – sua planta tem potencial para um alto nível de qualidade (rendimento e potência). No entanto, é quase impossível que suas flores alcancem o potencial máximo se você usar uma iluminação fraca.

lâmpada hps indoor
Cultivo Indoor com lâmpadas HPS – Vapor de Sódio

 

Lâmpadas de cultivo indoor fortes como HPS, ou LEDs produzem os maiores e mais densas flores de cannabis.

Por exemplo, não existem fertilizantes ou técnicas avançadas especiais que um grower possa usar que possa compensar a quantidade de luz produzida por uma lâmpada incandescente. As lâmpadas incandescentes simplesmente não tem o que é preciso para serem utilizadas para cultivo indoor.

Da mesma forma, os growers podem ter o mesmo problema quando tentam cultivar uma planta maior (como as de predominância Sativa) com Fluorescentes compactas (CFL’s) ou T5.

Embora CFL’s e T5 forneçam um espectro adequado para cultivo, é importante escolher a luz certa para cada tipo de planta. Estes dois tipos de lâmpadas são melhores pela discrição e para cultivar em espaços menores do que para produzir flores super potentes.

A luz forte e brilhante é o que vai impulsionar o crescimento das flores no estágio de floração – a luz é como “comida” para suas plantas!

Quando se trata de cultivar maconha indoor, quanto mais luz melhor … até certo ponto. Se você dá a suas plantas de cannabis em floração o máximo que elas podem absorver, você irá aumentar sua potência, densidade e rendimento.

Uma luz forte e brilhante é parte crucial para alcançar todo o potencial de uma genética. A Iluminação é um dos fatores mais importantes para o aumento da densidade, potência e rendimento dos buds!

 

3.) Nutrientes e Suplementos para Aumentar a Qualidade das Flores

Primeiro, antes de adicionar quaisquer suplementos especiais, você precisa ter certeza de que está dando à sua planta os nutrientes básicos corretos no estágio de floração.

Nutrientes básicos no estágio de floração

  • Baixo teor de nitrogênio (N) – Dê a sua planta níveis relativamente baixos de nitrogênio, especialmente na segunda metade do estágio de floração quando a planta parará de crescer vegetativamente e os buds estarão engordando. A planta precisa de muito nitrogênio para crescimento vegetativo, mas não precisa de quase nada para fazer buds. Na verdade, muito nitrogênio no estágio de amadurecimento das flores pode desencorajar a produção de buds e prejudicar seus rendimentos.
  • Muito fósforo (P) – Fósforo é incrivelmente importante para a produção de flores e dar às plantas fósforo no estágio de floração vai ajudar a aumentar o número total de flores.
  • Potássio (K) – O potássio é muitas vezes negligenciado em relação ao fósforo (que é muitas vezes considerado um reforço de buds), mas o potássio pode realmente ser ainda mais importante! Fornecer uma boa fonte de potássio aumenta o tamanho e a densidade de cada flor individual.

Em geral, quando se trata de nutrientes na segunda metade do estágio de floração, menos é mais! Manter os níveis de nutrientes baixos também pode melhorar o sabor das suas flores porque os altos níveis de nutrientes estão associados a um sabor químico.

Dar as quantidades certas de nutrientes durante o estágio de floração aumentará muito a qualidade das suas flores de maconha.

Kit Completo Remo Nutrients Supercharger
Kit Remo Completo

 

Suplementos na fase de floração

Os suplementos no estágio de floração vêm em muitos sabores diferentes, e eles têm objetivos diferentes

  • Açúcar ou carboidratos – melhorar o sabor / cheiro e aumentar o volume. 
  • Estimuladores de floração – Estes oferecem uma variedade de ingredientes ‘não nutrientes’ que podem ajudar a planta a crescer melhor de alguma forma, melhorando os processos ou fornecendo a planta aminoácidos e ácidos húmicos, de modo a suprir o que a planta não possui em si.
  • PK Boosters – Com este tipo de suplemento, os principais ingredientes são apenas fósforo e potássio porque são importantes para a floração. Alguns também contêm alguma quantidade de enxofre. Em geral, use estes com moderação, pois geralmente são muito fortes! E não se esqueça de que todos os nutrientes Bloom já devem conter muito P e K.

Muitas vezes, os suplementos de floração incluirão alguns ou até mesmo todos esses tipos de ingredientes! Pode definitivamente ficar um pouco confuso, então vou tentar ajudar um pouco 🙂

Açúcar ou carboidratos

Uma alternativa barata para suplementos estimulantes de floração com base em açúcar é o melaço preto (melaço de cana). Dando isso às suas plantas nas últimas semanas antes da colheita, pode ajudá-las a crescer e a cheirar melhor. Não é feito especialmente para plantas. É um produto que você encontrará na sua cozinha ou no mercado da esquina.

O melaço adiciona açúcares, aminoácidos e oligoelementos. Infelizmente, para os growers que usam hidroponia, qualquer produto de fonte orgânica não é adequado. Mas o melaço funciona muito bem para cultivadores de solo e coco.

Durante as últimas 2-3 semanas antes da colheita, dê 1/2 de colher de chá de melaço de cana por litro de água ao regar (para o solo ou coco).

Astroflower da Remo Nutrients

Diamond Nectar da General Hydroponics

Estimuladores de floração

Muitos produtores utilizam este tipo de suplementos que incluem fontes de:

  • Aminoácidos
  • Ácidos húmicos
  • Vitaminas
  • Minerais

Eu, pessoalmente, não uso este tipo de suplemento, então não consigo recomendar um determinado, mas alguns dossuplementos de cannabis mais populares com base neste tipo de fórmula incluem …

Top Max (pela Biobizz)

 

Nota: São apenas para coco ou solo! (Visto que esses suplementos contêm muitos materiais orgânicos como guano e farinha de peixe, eles não são adequados para reservatórios hidropônicos).

PK Boosters

Os suplementos listados acima usam ingredientes que adicionam pouca ou nenhuma quantidade dos nutrientes básicos para a planta (NPK). Isso significa que eles têm pouca chance de causar um overfert (excesso de nutriente). No entanto, os PK Boosters adicionam diretamente P e K. Se você já está usando um fertilizante Bloom tome muito cuidado.

Sempre que usar esse tipo de fertilizante, uma pequena quantidade vai durar por muito tempo! Sempre que possível, tente escolher um PK Booster da mesma empresa dos seus nutrientes básicos – isso ajudará a evitar interações negativas entre os nutrientes básicos e os boosters.

  • O fósforo (P) aumenta o número de flores
  • Potássio (K) aumenta o peso / densidade das flores

Algumas vezes também vêm com uma pequena quantidade de enxofre (S) e, possivelmente, outros ingredientes como aminoácidos, minerais e / ou açúcar como os suplementos acima.

Big Bud (pela Advanced Nutrients)

Koolbloom Líquido
 (pela General Hydroponics)

 

4.) Melhor sabor, melhor cheiro – Aumento do conteúdo de terpeno

O cheiro e o perfume das suas flores de cannabis são produzidos por produtos químicos vegetais conhecidos como “terpenos” (também “terpenoides”, que são uma classe de terpenos).

Os terpenos contribuem para os sabores de muitas especiarias domésticas (como canela, alecrim, cravo e gengibre) e ajudam a criar o aroma da maioria das flores.

A combinação única de terpenos e terpenoides produzidos nas flores de cannabis (buds) causa a maior parte do seu sabor e cheiro também.

Há muitas maneiras de aumentar a quantidade de terpeno de seus buds para que você produza flores que tenham sabor e cheiro bons, e também há alguns erros comuns que você deve saber que podem realmente arruinar todo o processo.

Se você souber como aumentar a quantidade de terpernos as suas flores irão ficar com um cheiro surpreendente!

Saiba um pouco mais sobre terpenos aqui!

5.) Manter uma boa temperatura e umidade

Temperatura

Mantenha as temperaturas diurnas em torno de 18-26°C na fase de floração, a menos que você esteja usando CO2, com CO2 a temperatura pode girar em torno de 26-32°C. No entanto, mesmo se você estiver usando CO2, a maioria dos growers profissionais recomendam reduzir a temperatura novamente para 18-26ºC nas últimas duas semanas antes da colheita.

As temperaturas noturnas devem ser mantidas em torno de 20-24°C para a maioria das variedades de cannabis. O tempo muito frio aumenta as chances de mofo e bolor nas suas flores, que se desenvolvem na faixa de 15°C.

No entanto, se você está cultivando uma variedade Purple ou outra que muda de cor, tenha em mente que algumas dessas variedades só mostrarão sua cor quando a temperatura da noite for pelo menos alguns graus mais frio do que durante o dia no estágio de floração.

Algumas strains precisam de temperaturas noturnas um pouco mais frias antes que os buds comecem a mudar de cor. Por exemplo, os buds deste Auto Frisian Dew (imagem) tornaram-se roxos brilhantes depois que começaram a ficar abaixo das temperaturas de 21°C) durante a noite.

Strain Frisian Dew
Strain Frisian Dew

Humidade

A umidade atrapalha muitos growers iniciantes e causa vários problemas inesperados.

Manter uma umidade mais alta durante o estágio vegetativo reduzirá os níveis de sal dentro da planta, ao mesmo tempo que incentiva um crescimento saudável e exuberante.

Durante o estágio vegetativo, se a humidade cai abaixo de 40%, e especialmente em qualquer lugar abaixo de 25%, pode causar problemas que parecem deficiências de nutrientes ou estresse de luz / calor!

Mas, nesses casos, apenas adicionar um pouco de umidade ao ar faz maravilhas. Um balde com água dentro do seu grow indoor já irá elevar a umidade a níveis aceitáveis.

Durante o estágio de floração, suas plantas de cannabis realmente preferem menos umidade! Diminuir a umidade no ar durante o estágio de floração pode aumentar a produção de tricomas em suas flores. Para melhores resultados, mantenha a umidade entre 40% – 50% durante o estágio de floração.

Menores níveis de umidade na fase de floração ajudam a promover a produção de tricomas, o que aumenta o brilho e a beleza que a resina deixa em suas flores

“Mas nunca me preocupei com a umidade e minhas plantas estão bem …”

A verdade é que você pode cultivar com sucesso suas plantas de maconha em alta ou baixa umidade, mesmo que o crescimento não seja perfeito. Esta é a principal razão pela qual muitos growers – especialmente os novos – esquecem completamente a umidade.

Os jardineiros iniciantes também tendem a gastar arduamente em CO2, suplementos ou nutrientes caros quando o controle da umidade em sua configuração pode fazer uma diferença muito maior em seu produto final.

Então, se você percebeu que sua umidade é muito maior ou menor do que o recomendado, você poderá fazer uma mudança simples e relativamente barata para melhorar dramaticamente a vitalidade de suas plantas.

Para os produtores em áreas realmente secas ou úmidas, pode fazer uma grande diferença comprar um umidificador / desumidificador e garantir que eles estejam sempre fornecendo os níveis de umidade ótimos.

Saiba como dominar seus níveis de umidade como um profissional e tenha flores dignas de cannabis cup!

E há mais um truque de especialista que você precisa saber sobre umidade: então você sabe que precisa manter a umidade na faixa de 40-50% de umidade para o estágio de floração, mas há um truque extra… Use um desumidificador para derrubar a umidade abaixo do mínimo possível nas últimas 2-3 semanas de floração (aproximadamente na faixa de 25%).

Esta extrema secura encorajará os buds a selar e proteger-se com resina adicional (em outras palavras, uma camada externa de tricomas cheios do mais puro THC).

Como um bônus adicional, este truque também faz seus buds estarem melhor preparados para um processo de secagem bem sucedido, porque seus buds já estarão menos úmidos (entendeu?).

tricomas leitosos
Tricomas Leitosos

6.) Certifique-se de que seu Grow Indoor tenha fluxo de ar forte e boa ventilação

Este é outro fator que tem a ver com a qualidade do ar (já incluímos temperatura e umidade).

Ao longo do tempo, qualquer grower (especialmente os de cultivo indoor) verá que a qualidade do ar é uma grande contribuinte para flores de alta qualidade. O fluxo de ar e a ventilação são essenciais se você deseja criar um ambiente (microclima) perfeito.

Para 1-3 plantas de menores a médias, você provavelmente estará bem com um ventilador ou dois. Para um grande grow e luzes potentes (ex: HPS 1000w), você precisará de um sistema melhor de exaustão para garantir o fluxo de ar adequado.

7.) Cuide do Básico – Especialmente Secagem e Cura

Você provavelmente sabe que, para obter os melhores resultados, suas plantas precisam passar pela maior parte do seu ciclo de vida sem grandes problemas.

Mas, embora suas técnicas de grower sejam incrivelmente importantes, uma das coisas mais importantes a se concentrar é a parte da colheita, bem como o processo de secagem / cura dos seus buds após a colheita.

Na verdade, as coisas que você faz durante e após a colheita, incluindo a secagem / cura, compõem quase 50% da aparência final dos seus buds!

Secar / curar da forma certa fará com que os buds fiquem mais bonitos, sejam mais densos e o mais importante – Fiquem mais potentes!

Se você não costuma dar muita atenção durante a parte de secagem / cura das suas flores, você deve se concentrar aqui para obter os maiores ganhos de qualidade!

Secar os buds lentamente e depois curá-los em frascos herméticos de vidro durante 2-4 + semanas ajuda a “comprimir” os buds para que eles fiquem mais densos. Curar também intensifica o cheiro e aumenta a potência!

controle ambiente indoor
Controle ambiente do cultivo indoor com LED

O que mais prestar atenção durante o crescimento?

Muitos erros que não matarão sua planta (como queimaduras de nutrientes, deficiências de nutrientes e estresse por calor) podem, muitas vezes, prejudicar a aparência de seus buds, especialmente os grandes problemas que ocorrem após o início da fase de floração, enquanto as flores estão em processo de formação.

Mais importante ainda, muitos problemas durante o estágio de floração podem reduzir a potência máxima que sua planta pode alcançar!

Então, para obter os melhores rendimentos junto com flores lindas que brilham na luz, você precisa obter uma compreensão completa dos conceitos básicos de crescimento. Também é importante fornecer às suas plantas um ambiente bom para que ela se desenvolva e cresça bem e feliz.

Mas se você pudesse escolher UMA coisa para se concentrar em todo o processo, que é o fator que mais faz diferença na qualidade e aparência de suas flores, é o processo de secagem e cura!

Para resumir:

Aprenda tudo o que puder, comece com boa genética e crie o ambiente perfeito para produzir as melhores flores de maconha!

E quanto ao dióxido de carbono (CO2) – Vale a pena?

Muitas pessoas escrevem para perguntar se a adição de CO2 no seu grow indoor aumentará a qualidade de seus buds, então hoje eu quero esclarecer as coisas. O CO2 é algo que você pode adicionar ao ar da sua sala de cultivo para aumentar os rendimentos, não a qualidade.

CO2 – vale a pena para sua estufa ou quarto de cultivo de cannabis? O CO2 é mais eficaz quando você está usando luzes brilhantes e de alta potência (como uma HPS de 1000W) que produzem mais luz do que suas plantas podem usar naturalmente.

Isso porque adicionar mais luz aumentará seus rendimentos até certo ponto, mas, eventualmente, sua planta simplesmente deixa de absorver a luz excedente. Neste ponto, não importa a quantidade de luz que você adiciona, seus rendimentos ficam iguais (ou, possivelmente, ainda pioram devido à queima ou ao estresse térmico).

Devido a um processo da planta, a adição de CO2 ao ar faz com que suas plantas possam usar mais luz, o que pode aumentar seus rendimentos.

Outra vantagem é que as plantas de maconha poderão se desenvolver em temperaturas mais elevadas quando houver muito CO2 no ar.

No entanto, na minha experiência, comprar CO2 não é a maneira mais barata de aumentar seus rendimentos, a menos que você já tenha investido em um poderoso sistema de luz.

Em suma, você deve ter todas as outras partes do seu cultivo excelentes antes de incluir o CO2 no seu cultivo indoor. É por isso que, para growers iniciantes, a adição de CO2 pode ser um desperdício de dinheiro que poderia ser melhor usado de outras maneiras.

Meu conselho: Certifique-se de ter todos os itens básicos e com pelo menos 600W ou 1000W HPS / LED antes de pensar em adicionar CO2 … caso contrário não valerá a pena!

por Nebula Haze & Sirius Fourside – Traduzido e editado por Cultiva Growshop

________________________________________

QUER SABER MAIS? FOLLOW US
facebook / instagram

Aprenda mais sobre cultivo indoor de cannabis no Cultiva Blog.

Publicidade

Leia Também

ESSE BLOG NÃO É PARA MENORES DE IDADE!!

VOCÊ TEM 18+?