22 de agosto de 2016

HID, LED ou Fluorescente? Escolhendo a luz perfeita para seu cultivo indoor

“Que tipo de luz preciso para cultivar minhas plantas indoor?” é uma das primeiras perguntas que muitos growers se fazem. Um dos elementos mais cruciais do seu cultivo indoor é a fonte de luz. A luz perfeita vai lhe dar a melhor colheita, e a errada pode acarretar na perda de toda a safra. Com tantas luminárias diferentes e kits de iluminação ao redor, é difícil saber que tipo de lâmpada vai fornecer a melhor fonte de luz para sua planta, mas depois desse texto você com certeza vai sair conhecendo as três principais lâmpadas para cultivo e seus melhores usos!

 Você está querendo comprar lâmpadas para cultivo indoor em vez disso?

Conheça nossas opções abaixo!

Lâmpada HID (High Intensity Discharge)

As HID ou lâmpada de alta pressão, são as lâmpadas para cultivo mais utilizadas ​​ao redor do mundo. Esse tipo de lâmpada tem uma descarga de radiação muito próxima a do sol, tanto na temperatura de cor/espectro (Kelvin) quanto na geração de calor. Elas têm capacidade para serem usadas da germinação até a colheita, e quando usadas com equipamentos de refrigeração adequados provam que podem cultivar praticamente qualquer coisa que você pode pensar: legumes, frutas, ervas, especiarias e até mesmo flores.

Mais adequadas para grandes quartos de cultivo e estufas, você provavelmente não vai querer usar sua HID de potência média/alta dentro de uma tenda de cultivo pequena, pois ela gera muito calor, e nos dias quentes de verão isso pode dificultar muito o controle do clima. O ideal caso resolva optar por esse tipo de lâmpada é ter um quarto ou estufa maior para que o ar quente não vá direto para suas plantas, ou então um maior investimento em sistemas de exaustãocooltubes e ventiladores resolverão com perfeição o problema. Cultivadores mais experientes utilizam essas lâmpadas em armazéns e espaços maiores, onde consequentemente há mais espaço para a circulação de ar e dispersão do calor.

Lâmpada LED

A tecnologia do momento quando se fala em lâmpadas para cultivo se chama Light Emitting Diode, ou LED. A LED é fria ao toque e dá a sua planta exatamente o que ela precisa. Ao contrário da HID (de alta pressão), que dá a sua planta um espectro específico (plantas normalmente desperdiçam 30% da luz emitida a partir de HIDs), essas luzes têm o tom e os comprimentos de onda específicos para as plantas prosperarem. As LEDs estão se tornando cada vez mais populares para produzir terpenos e sabores sem igual. Cultivadores caseiros de todo o mundo utilizam essas lâmpadas que possuem diodos infravermelhos, o que ajuda (e muito) na produção de resina.

Ao se tratar de LEDs, temos também uma ampla gama de tamanhos e potências. Ao contrário da HID que vem em potências específicas como 250w, 400w, 600w e 1.000w, as LEDs vão de 13-1.000w. Elas também não esquentam como as lâmpadas de alta pressão, fazendo com que você não precise de mais nada além de um ventilador para que haja uma troca de gases eficiente dentro do seu grow. Você pode cultivar qualquer coisa: desde flores, clones e até legumes e frutas desde a fase de germinação até a colheita.

Cultivadores caseiros e produtores passaram a amar lâmpadas de LED pelo seu tamanho compacto e da segurança e eficácia dos diodos ao cultivar ervas, especiarias, pimentão, e até flores. Growers em estufas de cultivo e grandes quartos amam lâmpadas de LED porque eles podem cultivar tão bem como com as HID, mas sem necessitar de equipamentos sofisticados para exaustão e controle de clima, além de ficarem completamente satisfeitos com a intensidade da luz emitida por essas lâmpadas e a área de cobertura necessária para cultivo de frutas e legumes.

Lâmpada fluorescente

lâmpada Fluorescente T5, ou fluorescentes comuns, também são relativamente frias ao toque e perfeitas para os produtores de vegetais folhosos como especiarias, ervas, ou para desenvolver as raízes de clones. O que torna essas luzes uma boa opção é que elas emitem uma boa quantidade de luminosidade e não esquentam como as HID. Lâmpadas fluorescentes tem espectro de luz ideal para plantas em estado vegetativo, emitindo uma temperatura de cor (Kelvin) próxima ao azul. Você pode usá-las em conjunto com HID ou LEDs para aumentar as áreas cobertas pela luz. Em clonadores esses tipos de lâmpadas são usadas para manter os clones vivos, e cultivadores informais adoram esse tipo de lâmpada por ser fácil de montar e também de substituir.

Agora que você tem noções básicas e muito úteis destes três tipos de lâmpadas, pode planejar melhor seu grow entendendo suas especificidades e identificando qual delas se encaixa melhor em suas necessidades! Qualquer dúvida você pode continuar buscando respostas em nosso blog, ou então no chat online localizado na home.

Publicidade

Leia Também

ESSE BLOG NÃO É PARA MENORES DE IDADE!!

VOCÊ TEM 18+?